Como 2 pequenas ações de 10 minutos podem te dar mais clareza, produtividade e criatividade

Sua mente subconsciente é muito mais poderosa do que você pensa. E ela pode ser útil para ter mais clareza, produtividade ou mesmo criatividade. Ela não só cuida das questões essenciais, como mantê-lo respirando, mas silenciosamente o seu subconsciente está em constante transformação do mundo, peneirando experiências vividas, e fazendo as conexões corretas.

“Quanto mais nós sondamos e pesquisamos o funcionamento do cérebro, mais percebemos que nossas mentes conscientes são realmente apenas um resumo do que nossos cérebros alcançam o tempo todo – sem que nós façamos a menor ideia do que está acontecendo”, explicou à BBC o neurocientista David Eagleman. “Sendo sincero, o consciente, que é a parte que pisca para a vida quando você acorda de manhã, é um pouco menor do que o que realmente está acontecendo na sua cabeça o tempo inteiro. ” E é aí que começa a entrar a história que foi prometida no título.

Graças a estes processos ocultos, sua mente subconsciente, ocasionalmente cospe uma ideia inovadora ou aquela decisão importante que você estava esperando. E muitas vezes acontecem enquanto você estava em pé no chuveiro, lavando o cabelo despretensiosamente. Aí você pensa: mas se tudo isto se passa sem o nosso comando ou mesmo consciência, existe alguma maneira de você aproveitar melhor o seu subconsciente para ser ainda mais criativo, ter mais clareza e aumentar a produtividade?

Sim, sim, sim, sim! Esta é a resposta que veio de um artigo fascinante do Benjamin P. Hardy, que está prestes a conseguir seu ‘PhD’ em psicologia. Ele escreveu que o foco é ‘ligar o seu subconsciente”, com apenas duas etapas e que duram cerca de dez minutos por dia, cada.

10 minutos antes de dormir

Seu subconsciente pode fornecer respostas interessantes a algumas das questões mais relevantes da vida. Mas só ‘se você pedir para ele ativamente’, escreve Hardy. “É uma prática comum que muitas pessoas bem-sucedidas adotam, que é dirigir intencionalmente o funcionamento de sua mente subconsciente, enquanto está dormindo”, explica ele.

Como você pode fazer isso também? “Tire alguns momentos antes de ir para a cama para meditar e escrever as coisas que você está tentando realizar. Pergunte a si mesmo um monte de questões relacionadas a essa coisa”, ele continua. “Coloque essas perguntas e pensamentos no papel. Quanto mais específicas as perguntas, mais claras serão suas respostas. Enquanto você está dormindo, sua mente subconsciente vai começar a trabalhar.”

10 minutos depois de acordar

Então…ao acordar, a primeira coisa do dia não será checar o seu smartphone. A ação número um da jornada que começa será checar o seu subconsciente em vez disso. Os minutos depois de acordar são alguns dos mais criativos do dia e chamado de ‘horário nobre’ para colher as ideias de sua mente subconsciente inventadas enquanto você dormia. Para chegar a isso, faça um depósito do que surgir.

Tudo que você precisa fazer é escrever o que vem à mente em relação às perguntas que você fez antes de ir para a cama na noite anterior. Parece simples, mas Hardy admite que pode parecer estranho à primeira vista. “Para ter certeza, você vai precisar praticar esta habilidade. Pode levar várias tentativas antes de se tornar capaz. Mas, com consistência, você pode tornar-se fluente e automaticamente alcançar explosões criativas e intuitivas”, ele promete. Deu para entender? Acorde, refaça as perguntas e anote as primeiras coisas que vierem à sua mente. É isso!

As ações podem lhe ajudar a ver as coisas sob outra ótica e também otimizar sua produtividade ao longo do dia.

Os resultados podem impressioná-lo. “Esta rotina simples irá ajudá-lo a cristalizar onde você quer ir, e como você vai chegar lá”, conclui Hardy.

Parece maluco, certo? Mas de repente vale a tentativa .

Texto original escrito pela Jéssica Stillman, no INC.com

Fernando Pacheco

Mineiro, animado e bom leitor. Formado em Comunicação pela PUC-MG, MBA em Gestão de Pessoas e Graduado em GRH. Head of Pre-Sales na Samba Tech, proprietário da Penser e sócio da Life. E o mais importante, padrinho do Mateus. É isso aí...