Dicas Transição de careiraPowered by Rock Convert

Encarar um novo desafio na carreira nunca é fácil, especialmente se você foi demitido. Existe muita desmotivação e é complicado superar a decepção de ser desligado depois de um tempo se dedicando a uma empresa. Algumas vezes a necessidade de recolocação profissional nos pega de surpresa e acontece por corte de custos na empresa ou problemas internos com gestores. De qualquer forma a recolocação no mercado e a busca por uma nova posição deve ser feita com calma e dedicação diária.

É preciso encarar essa situação como uma oportunidade, pois ela pode mudar totalmente o curso da sua carreira abrindo novas portas. Ter inteligência emocional é um fator determinante para se manter focado. Como você lida com o processo de busca pode ser um reflexo do tipo de profissional que você é, um exercício no qual avaliamos quem somos e quem queremos ser na próxima posição.

Existe uma série de fatores que podem ajudá-lo a desenvolver um plano de recolocação profissional e talvez você já tenha todas essas ferramentas em mãos, basta coloca-las em prática. É preciso manter esse plano em constante atualização, mesmo se você estiver empregado.

A recolocação profissional requer planejamento contínuo

Temos que ter sempre em mente que nada é para sempre. Por isso um planejamento é essencial, mesmo se você acha que não corre nenhum risco, a demissão pode acontecer e complicar a vida financeira. Assim como na transição de carreira, é essencial que você revise os gastos e corte despesas que você considera supérfluas. Essa organização te ajudará a não aceitar um emprego que talvez esteja abaixo de suas expectativas ou qualificações e continuar fazendo entrevistas.

Mantenha sempre em mente seus objetivos e metas. Em cada experiência, absorvemos novas informações, aprendemos novos processos e nos tornam profissionais melhores. Com isso na mesa, mantenha atualizado seu currículo e fique sempre aberto ao mercado.

Além disso, é necessário desenvolver requisitos que facilitará o se reingresso ao mercado se uma demissão ocorrer como:

  • Construa e utilize sempre sua presença online

Vivemos em um mundo em que conectamos com pessoas a milhares de quilômetros de distância através das mídias sociais e encontramos novos empregos ou oportunidades de negócios através delas. Por isso que é importante criar e manter um networking online. Junte-se a grupos de discussão de setores em que você está interessado e comece a construir sua rede para se manter atualizado das últimas novidades do setor. Seguir as empresas que admira e comentar em seus posts também é uma ótima maneira de ser notado.

Penser CarreiraPowered by Rock Convert
  • Mantenha-se atualizado

É normal ficar imerso em seu trabalho cotidiano e esquecer de aprender coisas novas regularmente. Há novas oportunidades em constante desenvolvimento, que podem ser relevantes. Simplesmente ser um observador da interação diária com a tecnologia não é suficiente. Inscreva-se em cursos, leia sobre mudanças, participe de debates relevantes na sua área.

  • Converse com amigos e familiares

Parece óbvio, mas existem pessoas que não falam sobre trabalho com amigos e familiares. Estar preparado para uma recolocação profissional é escutar sempre o mercado. A indicação pessoal é um dos métodos mais populares usados para recrutamento, já que as empresas muitas vezes preferem contratar alguém em quem seus colaboradores já confiam. Tire proveito disso, perguntando a amigos e familiares que trabalham em empresas em que você gostaria de trabalhar. Isso muitas vezes pode resultar em você descobrir sobre as vagas antes da competição e ter certa vantagem se alguém puder recomendá-lo.

  • Vá além de sites de empregos

Focar em empresas específicas, em vez de vagas, pode funcionar a seu favo. Quando você faz o processo de inscrição e já tem interesse na empresa, isso transparece no que você diz, não se limitando a apenas enviar um currículo. Fique de olho nas vagas de emprego das empresas que você admira. Se você vir algumas posições mas nenhuma das funções for conveniente, envie um currículo e uma carta de apresentação de forma espontânea. Quer ir além? Envie um e-mail para um membro sênior da equipe e o convide para um café. Isso provavelmente vai dar uma impressão muito mais positiva e interessante do que alguém que apenas envia um currículo simples e uma carta de apresentação.

  • Considere buscar vagas em startups

Trabalhar em empresa ainda em ascensão pode te ajudar a acelerar a sua carreira de forma rápida e te qualificar em tempo record. Se você conhece o produto, acredita na missão e gosta de sua abordagem, estar no time é uma ótima forma de produzir com paixão e descobrir outras formas de trabalhar.

  • Torne-se seu próprio chefe: empreenda!

Muitos profissionais se sentem desencorajados a iniciar seu próprio negócio devido ao risco ou à falta de segurança que oferecem. Mas, se você tem uma grande ideia e a motivação para ir em frente, então este poderia ser o passo mais inteligente a se fazer. Analise o risco, converse com pessoas, construa uma rede de contatos profissionais. Se depois de um tempo você decidir que não é para você, de qualquer forma isso será algo valioso que você aprendeu para a vida e provavelmente você não vai se arrepender de ter tentado. Essa experiência também será valorizada no seu currículo.

A recolocação profissional pode ser período difícil, mas é preciso estar preparado sempre. Fique tranquilo, tente seguir as dicas acima e você não precisará encara esse momento com desespero. Esse período pode te ajudar a reavaliar a carreira e procurar melhorar sua performance profissional.

consultoria de carreira personalizada

Deixe uma resposta

Fechar Menu