Você acredita que exerce uma boa liderança? Se chegou até este texto, é provável que sim. Certamente você já é líder de uma pequena, média ou até mesmo grande equipe. Gera resultados, tem um bom relacionamento com todos, recebe elogios e bons feedbacks.

Se você já faz isso bem, por que (e como) deveria melhorar? Assim como em qualquer área de conhecimento, a liderança exige um aprendizado contínuo. Não só as técnicas devem ser revisadas e validadas, como também as competências e, porque não, o caráter.

Se você quer saber mais sobre a importância no caráter de líder e como desenvolvê-lo para melhorar sua capacidade de liderança, continue lendo este artigo.

Qual o papel do caráter de líder?

Antes de tudo, vamos definir o que é caráter. No desenvolvimento deste texto, vamos entender o caráter como o conjunto de traços psicológicos e morais que caracterizam um indivíduo. Nesse sentido, não estamos falando apenas de soft skills, mas também de valores e traços de personalidade.

Em seu artigo para o Ivey Business Journal, as autoras Mary Crossan e Loretta Smith destacam o caráter como aspecto fundamental para a construção de uma liderança ótima. Segundo elas, as atuais ideias sobre liderança são particularmente difíceis de superar, já que subestimam a importância do caráter humano. Esse caráter seria a força que sustenta a disposição de liderar. Basicamente, uma energia interna que motive o líder a dar o melhor de si, visando o desenvolvimento de sua equipe e da empresa em que trabalha.

Apesar da importância de desenvolver o caráter do líder, a maioria das organizações subestima o potencial que esse fator pode ter sobre o exercício de uma grande liderança. Muitos dos líderes bem-sucedidos não buscam superar suas competências. Seu desempenho na carreira foi bom o suficiente para chegar ao topo e, uma vez nessa posição, entende-se que já não há motivos para buscar superação ou melhoria.

Mesmo reconhecendo o potencial de líderes que inspiram por meio de seu caráter, supõe-se que essa característica estaria limitada a indivíduos únicos, personalidades fora da curva. Um exemplo disso? Nelson Mandela. Todos reconhecem o fato de que ele era um líder inspirador, porém poucos consideram a possibilidade de inspirar tanto quanto ele.

O que é o caráter de líder?

Por mais que ser uma personalidade capaz de inspirar outras pessoas pareça uma meta inatingível, a verdade é que essa condição pode ser criada por meio do desenvolvimento do caráter de líder.  Junto a aspectos como competência e comprometimento, esses três pilares sustentam a liderança. Alcançar um nível ótimo depende de desenvolver essas características de uma maneira equilibrada.

Pensando nisso, pesquisadores do Instituto O. Ihnatowycz de Liderança da Ivey se uniram a mais de 2.000 executivos para definir quais seriam os aspectos que definiriam o caráter de líder. Como resultado, foram mapeadas 11 dimensões que, interconectadas, seriam responsáveis por construir um desempenho ótimo a longo prazo.

A 1ª dimensão é o julgamento e se encontra no centro das outras 10. Isso quer dizer que os líderes devem ser capazes de flexibilizar as dimensões de seu caráter de modo a promover um julgamento adequado. Dependendo do contexto vivido, diferentes características devem ser utilizadas em maior ou menor medida, sempre visando os interesses da organização e a motivação da equipe.

A seguir, vamos explorar cada uma dessas dimensões e suas características principais.

1. Julgamento

Consciência situacional, complexidade cognitiva, capacidade analítica, tomada de decisão, pensamento crítico, intuição, pragmática, perspicácia, adaptabilidade.

2. Transcendência

Apreciativo, inspirado, movido por propósito, otimista, criativo, orientado ao futuro.

3. Direção

Apaixonado, vigoroso, orientado a resultados, demonstra iniciativa, esforça-se pela excelência.

4. Colaboração

Cooperativo, amigável, mente aberta, flexível, interconectado.

5. Humanidade

Atencioso, empático, compassivo, generoso, indulgente.

6. Humildade

Autoconhecimento, modéstia, reflexivo, curioso, está sempre aprendendo, respeitoso, grato.

7. Integridade

Autêntico, sincero, transparente, consistente, ético.

8. Temperamento

Paciente, calmo, emocionalmente equilibrado, prudente.

9. Justiça

Justo, equitativo, socialmente responsável, imparcial, proporcional.

10. Responsabilidade

Toma a responsabilidade para si, aceita as consequências

11. Coragem

Bravo, determinado, persistente, resiliente, confiante.

As 11 dimensões do caráter de líder. Fonte: Ivey Business Journal.

Como o caráter de líder se relaciona com uma liderança ótima?

Quando publicada, a pesquisa da Ivey representou um choque para alguns indivíduos e organizações. Muitos profissionais e empresas superestimam certas dimensões do caráter (como força e coragem), enquanto consideram uma fraqueza aspectos como humildade e humanidade.

O fato é que saber transitar por todas as 11 dimensões é fundamental para alcançar uma liderança excelente. Ao não as ter equilibradas e não ser capaz de utilizá-las adequadamente, o líder corre o risco de cair em comportamentos imprudentes ou demonstrar uma atitude arrogante.

Por esse motivo que o julgamento é a dimensão central do caráter de líder. Ele que vai servir como um conector, regulando as dimensões necessárias para cada situação. Uma grande liderança depende da capacidade do líder de flexibilizar suas características de acordo com as necessidades do contexto, aplicando as ferramentas e comportamentos adequados para cada situação.

Como desenvolver o caráter de líder?

Pode parecer difícil, mas a verdade é que a capacidade de desenvolver essas 11 dimensões está dentro da maioria dos indivíduos. O que acontece é que, na prática, muitos líderes superestimam sua força, deixando de trabalhar algumas dessas características.

Nesse sentido, trabalhar o autoconhecimento é fundamental para desenvolver as 11 dimensões do caráter de líder. Para ter sucesso nessa iniciativa, o primeiro passo é estabelecer uma visão crítica dos pontos fortes e fracos, analisar quais aspectos já existem e quais precisam ser desenvolvidos.

Claro que isso não ocorre de uma outra para outra. Desenvolver esses aspectos exige esforço, mas pode ser facilitado por alguns exercícios. Dinâmicas individuais ou em grupo, workshops e outras atividades podem ser utilizadas para explorar essas características.

Desenvolver caráter não é o mesmo que desenvolver competências. Exige uma profunda autoconsciência, autoanálise e humildade. Assim, o líder será capaz de refletir com honestidade sobre pensamentos, palavras e ações. Esse processo não depende de acumular conhecimento e experiencia, mas sim de descobrir-se, analisar-se e trabalhar o que for necessário.

O caminho pode ser difícil, mas é recompensador. Uma vez que se consiga desenvolver todas as dimensões do caráter de líder, é possível exercer uma liderança ótima e inspiradora, beneficiando a equipe, a empresa e o próprio líder.

Este texto lhe ajudou a entender melhor sobre como você pode trabalhar seu caráter de líder? Esperamos que sim! Para seguir explorando o caminho da liderança ótima, fale com um dos nossos especialistas. Ficaremos satisfeitos em ajudar.

Micaela Redondo

Baiana, sempre em movimento. MBA Executivo em Gestão de Projetos. Especialista em projetos de carreira e liderança na Penser.
Fechar Menu