Há perguntas clássicas nas entrevistas que, mesmo sendo muito comuns, ainda geram dúvidas entre os candidatos sobre a melhor resposta. Defeitos para entrevista de emprego, por exemplo. O que os recrutadores esperam ouvir de você? Muitas vezes, eles não querem saber exatamente conhecer o defeito em si.

O objetivo desse tipo de questionamento é analisar se você conta com um bom autoconhecimento e entende aqueles pontos que precisa aperfeiçoar, uma vez que coletar feedbacks e aprimorar nosso trabalho é algo muito valorizado pelas organizações.

Pensando nisso, elaboramos este material para que você tire suas dúvidas sobre o tema. Continue a leitura e saiba mais!

Defeitos para entrevista de emprego: que os recrutadores esperam?

Não se importe de trazer um defeito que você tenha para a entrevista de emprego. Os recrutadores sabem que todas as pessoas têm pontos de melhoria. Difícil seria aquele candidato perfeito. Afinal, isso não existe, concorda? Por essa razão, é importante você fazer um exame de consciência em um período prévio a essa entrevista para ficar por dentro do que pode responder e do que melhor se encaixa com a cultura da empresa em questão e com o seu perfil.

Pode ficar tranquilo que a pessoa não vai te julgar por isso. Como dissemos, esse é um bom momento para que eles possam identificar se você sabe avaliar os aspectos que precisa aperfeiçoar e o que tem feito para melhorar isso.

Exemplo: suponhamos que o seu defeito seja nervosismo. Ao mencionar esse ponto, apresente quais situações o nervosismo atrapalhou e quais foram as estratégias adotadas para chegar a esse patamar:

“O nervosismo me atrapalhou bastante em reuniões de apresentações de resultado, pois eu não conseguia trazer com clareza quais eram aqueles aspectos importantes para a empresa. Porém, eu tenho treinado esse ponto, participo de mais reuniões com clientes e peço constantemente feedbacks para meus colegas e líderes”.

Quais são os principais defeitos que podem ser trazidos em uma entrevista de emprego?

Antes de conferir quais são os defeitos que podem ser trazidos em uma entrevista de emprego, tenha atenção quanto ao perfil da vaga. O nervosismo apresentado como exemplo não cairia bem para alguém que tenha reuniões com cliente como o principal escopo de trabalho. Afinal, espera-se que esse candidato tenha desenvoltura, saiba conversar com a base de público sem que isso seja um problema.

Entre os pontos mais apresentados durante as entrevistas, destacamos:

  • ansiedade – muitas vezes, a ansiedade pode atrapalhar a produtividade do profissional, além de ser um fator de risco para que ele assuma mais atividades que poderia suportar;
  • timidez – a timidez pode prejudicar relacionamentos interpessoais e impedir que o profissional interaja com o time. Além disso, mesmo que ele tenha bons argumentos para apresentar durante as reuniões, há o risco de ficar calado para não se expor;
  • medo de falar em público – em muitos casos, há a necessidade de falar em público para apresentar resultados ou até mesmo para trazer algum ponto importante do time;
  • dificuldade de organização – talvez esse não seja um defeito legal de ser comentado, uma vez que a dificuldade de organização pode impedir que a pessoa faça suas entregas com qualidade e no tempo estipulado.

Além da dificuldade de organização, o perfeccionismo não é enxergado como um defeito positivo a ser mencionado. Hoje, as pessoas identificam essa característica, algumas vezes, como positiva, pois você entregará uma demanda com qualidade máxima. Isso pode trazer a impressão aos recrutadores que você tem dificuldades de identificar um defeito que seja coerente.

E quais as qualidades podem ser mencionadas em uma entrevista de emprego?

Também é comum que haja a pergunta sobre as qualidades profissionais que a pessoa tem ou que ela está desenvolvendo. Entre os tópicos mais comuns que podem ser trazidos, destacamos:

  • criatividade – muito valorizada nos dias de hoje, uma vez que recrutadores têm buscado por profissionais que tenham facilidade para trazer novas ideias e colaborar para a inovação da empresa;
  • pontualidade – mesmo com grande parte das empresas adotando uma política de horários flexíveis, a pontualidade é importante em muitos momentos, como em uma reunião importante com cliente;
  • experiência – algumas skills desenvolvidas ao longo de sua carreira podem ser muito positivas, principalmente se você alinhá-las com a vaga em questão;
  • autoconfiança;
  • tranquilidade em situações tensas, entre outros.

Neste conteúdo, você pôde conferir alguns defeitos para entrevista de emprego que podem ser mencionados, bem como aqueles que devem ser evitados. Como mencionamos, o ideal é que você analise o perfil da vaga e considere-o no momento de fazer uma autoanálise. Dessa forma, reduzem os riscos de optar por um defeito que seja esperado para aquele cargo em específico, o que poderia levar à sua desclassificação.

Se você deseja ter acesso a outras perguntas comuns em processos seletivos, não deixe de continuar em nosso blog e acompanhar outro material que produzimos sobre o tema!

Deixe um comentário