O currículo é uma ferramenta fundamental de quem deseja se candidatar para uma vaga no mercado de trabalho. Ele é o primeiro contato que os recrutadores terão com o profissional. Desse modo, por mais que elaborar um bom currículo demande tempo e atenção, é essencial que ele seja bem-feito. Apesar de não existir uma fórmula para o currículo perfeito, uma parte muito importante é o objetivo no currículo.

Para construir um currículo atraente para os recrutadores é importante se atentar a alguns pontos como ser verdadeiro e objetivo. E apesar de parecer uma tarefa difícil, com as dicas certas é possível criar o currículo ideal.

Neste artigo você vai conferir dicas simples para desenvolver o objetivo no currículo e assim aumentar as chances de alcançar a sua tão sonhada vaga. Boa leitura!

O que é um currículo

O primeiro passo é compreender o que é um currículo. Isso porque muitas pessoas se confundem quanto ao objetivo deste documento e acabam desviando das informações que ele deve conter. Assim, o currículo é um resumo da sua trajetória profissional. Nele é possível conhecer parte de sua experiência profissional, seus esforços e onde você deseja chegar.

Diferente do que alguns acreditam, um currículo com várias páginas e repleto de informações detalhadas sobre cada função que o candidato já exerceu não é bem-visto entre os setores de Recursos Humanos (RH) ou empresas especializadas em recrutamento. Deixe essa parte para a etapa de entrevistas. Assim, um bom currículo busca ser verdadeiro, eficiente e simples.

  • Verdadeiro: esse é o princípio básico de um currículo. Ou seja, não coloque habilidades que você não domina, nem caia na tentação de aumentar as que possui. Isso porque não é difícil descobrir se o que está em seu currículo é verdade, e a maioria dos processos seletivos envolvem etapas que buscam confirmar se os candidatos realmente são qualificados. Em contrapartida, não esqueça de colocar seus talentos e qualidades, pois podem fazer a diferença entre você e outro candidato.
  • Eficiente: embora seja importante descrever suas habilidades também é preciso se ater a eficiência do seu currículo. É essencial que o recrutador tenha acesso fácil a todas as informações sobre você, desde sua experiência profissional até as habilidades relacionadas à vagas.
  • Simples: outro ponto importante é manter o seu currículo simples. Em um processo seletivo muitos currículos são enviados e por isso é importante que o seu seja simples e contenha apenas as informações necessárias. Vá direto ao ponto e não perca tempo descrevendo habilidades que não são fundamentais para a vaga pleiteada.

Além disso, algumas outras dicas podem te ajudar a construir um bom currículo como montar o documento em tópicos, formatá-lo com um design simples e claro, revisá-lo antes de enviar. Confira mais dicas de como fazer um bom currículo em nosso artigo sobre o assunto.

O que é o objetivo no currículo

O objetivo no currículo trata de seu objetivo profissional. Ele é um pequeno texto onde é preciso informar detalhes sobre a área de atuação e suas expectativas. Essa é uma parte importante do currículo e deve ser preenchida por todos, mesmo por aqueles que estão ingressando no mercado de trabalho. Essa é uma das partes com maior potencial para te colocar à frente de outros candidatos. Isso porque é possível que muitos possuam as mesmas habilidades técnicas que você, mas não os mesmos objetivos. Por isso, se dedique a essa parte do currículo.

O objetivo no currículo deve conter os seus objetivos dentro da empresa. O ideal é que ele seja curto, com apenas algumas linhas refletindo sua expertise. O ideal é que você envie um currículo personalizado de acordo com cada vaga pretendida e por isso o objetivo também dependerá do processo seletivo.

Como escrever o objetivo no currículo

Como dissemos, ao escrever o objetivo no currículo é fundamental ir direto ao ponto e evitar textos extensos. Contudo, lembre-se: ser sucinto é diferente de ser genérico. Isso porque as empresas procuram e valorizam profissionais que possuem um plano de carreira sólido, e sabem onde querem chegar.

Além disso, é importante que os seus objetivos estejam alinhados à vaga pretendida. Assim, busque sempre personalizar essa parte do currículo de acordo com a empresa. Outras dicas interessantes na hora de montar o objetivo no currículo são:

Seja específico e coerente

Ser específico em seu currículo é fundamental para que as suas informações não acabem passando despercebidas aos olhos dos recrutadores. Além disso, a coerência também é muito importante. Isso porque, uma mentira pode ser detectada e acaba prejudicando não apenas o processo seletivo em questão, mas a sua imagem no mercado de trabalho. Lembre-se sempre que a maioria das empresas possuem contatos com outras organizações da mesma área e a mentira pode se espalhar pelo setor.

Evite clichês

Um currículo cheio de clichês é o mais recebido pelos recrutadores e por isso acabam sendo os primeiros a serem descartados. Para evitar a eliminação logo na primeira etapa do processo seletivo o seu currículo precisa se destacar dentre os demais. Essa é uma dica essencial principalmente quando falamos em vagas que envolvem o uso da criatividade. As empresas buscam cada vez mais por profissionais versáteis e dinâmicos e imprimir essas qualidades no objetivo no currículo pode ser um excelente diferencial.

Atente-se à gramática

Erros de português podem acabar sendo inimigos, por isso atente-se à gramática. Ao escrever um currículo às pressas é possível que alguns erros aconteçam, sejam de digitação, acentuação ou gramática. Para evitar esse problema sempre revise mais de uma vez o seu currículo antes de enviá-lo e se possível peça para que alguém também o faça também. Isso garante que seu currículo chegará o mais correto possível nas mãos dos recrutadores.

Tenha atenção aos detalhes

Além do português correto é preciso se atentar a outros detalhes na hora de redigir um currículo. Esses detalhes vão desde o seu formato, que deve ser atrativo e legível até ao tamanho e disposição das letras. Esses pequenos detalhes podem ser essenciais na hora de classificar para as próximas etapas do processo seletivo.

Simplifique sempre que possível

Mais uma vez reforçamos a importância de manter o seu currículo simples. Isso garante que os recrutadores não se percam com detalhes irrelevantes ou que podem ser levantados durante as entrevistas, por exemplo. Garanta que as informações contidas no seu currículo estejam dispostas de modo a serem bem absorvidas por quem o lê. Assim, é possível aumentar as chances de conseguir a vaga encantando os recrutadores com as informações precisas.  

Exemplos de um bom objetivo no currículo

Seguindo as dicas acima é possível escrever um bom objetivo no currículo. Lembre-se sempre de ser direto e específico, mas também de sempre personalizar o objetivo de acordo com a vaga pleiteada. Além disso, é importante ser sincero em suas expectativas para que não exista um desacordo entre o que você realmente espera e o que a empresa está te oferecendo.

Um objetivo honesto e sincero ganha pontos com o recrutador. Mesmo que você não possua muita experiência na área, essa é uma informação que pode te beneficiar. Isso porque, cada vez mais as empresas têm valorizado o que chamamos de soft Skills – ou habilidades não técnicas. Alguns exemplos de soft skills são autoliderança, boa comunicação e a capacidade de trabalhar em equipe.

E você pode ler mais sobre as soft skills em nosso conteúdo especial clicando aqui.

Assim, se você não possui muitas habilidades técnicas, mas domina alguma soft skill ela pode ser citada no seu currículo como o exemplo:

“Com as minhas habilidades comportamentais, como a autoliderança e a capacidade de trabalhar bem com meus colegas de equipe, pretendo ingressar em uma empresa que me permita contribuir para o desenvolvimento de projetos inovadores na área de tecnologia ao mesmo tempo em que fortaleço habilidades técnicas na área”.

Nesse exemplo podemos perceber uma pessoa que além de possuir muitas habilidades requeridas nos processos seletivos também conhece a empresa a que está se candidatando. Ele pode, e deve, ser adaptado para a área ou segmento de mercado a que você pretende se candidatar. Enviar um currículo sem foco e desatualizado pode ser uma péssima forma de iniciar sua candidatura.  

Além desse exemplo, outras frases são muito utilizadas em objetivos no currículo e podem ser facilmente adaptadas à sua realidade:

  • Procuro por uma nova oportunidade de experiência desafiadora em minha carreira de (acrescentar sua área). Acredito que só assim um profissional pode continuar em constante evolução.
  • Desejo colaborar em um ambiente de trabalho (ou coloque o setor que deseja trabalhar) onde seja possível colocar em prática meus conhecimentos, objetivando sempre o benefício e o crescimento da organização e o meu crescimento profissional.
  • Procuro oportunidade relacionada à (coloque sua área de atuação), que possa trazer novas perspectivas de futuro e crescimento.
  • Estou à procura de minha primeira experiência de trabalho após formado em (inclua a formação). Quero desenvolver minhas habilidades e contribuir para o sucesso da empresa.

Objetivo no currículo para quem não possui experiência profissional

Construir um currículo quando não se tem experiência profissional não precisa ser uma tarefa desafiadora. Existem hoje diversas vagas para quem está ingressando no mercado de trabalho. Contudo, é preciso que o objetivo no currículo de quem está começando sua carreira seja bem elaborado, principalmente porque não existem experiências para comprovar suas qualificações.

Assim, uma boa maneira de redigir o seu objetivo é ressaltar as soft skills fundamentando-as em etapas de sua vida. Se você fez um estágio durante a faculdade, por exemplo, é possível dizer:

“Com as experiências que adquiri estagiando em (destacar a experiência), procuro uma oportunidade de efetivação com base nos meus conhecimentos na área”

Contudo, caso não exista nenhum tipo de experiência antecedente é possível destacar a vontade de aprender e seu empenho. Busque valorizar sua vontade de conseguir uma vaga na área e tente algo como:

“Apesar de estar no início da minha carreira, busco por uma oportunidade de demonstrar meus talentos e habilidades. Acredito ser possível compensar a falta de experiência com dedicação e empenho”.

Chamando a atenção dos recrutadores

O currículo é a primeira etapa dos processos seletivos. Esse é o primeiro contato que os recrutadores têm com os candidatos e por isso é importante se destacar. Contudo, isso não significa entregar um currículo enorme e cheio de informações irrelevantes. Procure sempre simplificar sua apresentação, garantindo que as informações estejam bem-dispostas e fáceis de compreender.

O objetivo no currículo também é uma parte muito importante do documento. Ele será o responsável por alinhar as expectativas do candidato às da empresa. Por isso, é fundamental garantir que seu currículo esteja realmente personalizado para a vaga pretendida. Aqui, mencionar soft skills, por exemplo, pode ser uma forma de se destacar e se alinhar às necessidades da empresa.

Na Penser buscamos desenvolver pessoas que querem dar um salto na carreira e por isso sabemos que para se destacar profissionalmente, desenvolver habilidades comportamentais é tão importante quanto lapidar seus conhecimentos técnicos. Conheça os serviços da Penser, fale com nossos consultores, receba uma consultoria gratuita e desenvolva cada vez mais suas habilidades.

consultoria-penser-autoconhecimento-carreira

Deixe um comentário