Você já pensou na possibilidade de contratar profissionais maduros para o mercado de trabalho? Hoje, o Brasil enfrenta um fenômeno muito similar a outros países que contam com características semelhantes: o aumento da expectativa de vida. Além disso, temos visto mudanças no que diz respeito à reforma da previdência, cuja tendência é justamente crescer o número de colaboradores mais velhos no mercado como um todo.

Nesse cenário, surge um termo bastante discutido pelas organizações hoje: o da diversidade geracional. Trata-se justamente da necessidade de um negócio contar com políticas que complementam diferentes perfis de profissionais, independentemente da idade.

Sendo assim, existe a necessidade de entender quais são as principais características para essa política, bem como conferir os diferenciais de contar com profissionais maduros em seu negócio. Quer saber mais sobre o tema? Continue o artigo e confira o texto que elaboramos!

Profissionais maduros no mercado de trabalho: o que é a diversidade geracional?

Como abordamos, uma empresa com diversidade geracional é aquela que contrata profissionais maduros e contam com políticas claras para que eles se sintam incluídos no espaço de trabalho. Sabemos que diversidade e inclusão são temas distintos. Enquanto a diversidade é a contratação desses profissionais, a inclusão é a oferta das mesmas oportunidades, além de contarem com um ambiente onde essas pessoas se sintam confortáveis em seu dia a dia de trabalho.

Dessa forma, podemos definir diversidade geracional como um conceito que abrange profissionais de diferentes faixas etárias, acolhendo a pluralidade. No entanto, um ponto deve estar claro quando mencionamos sobre diversidade geracional: não estamos nos referindo ao fato de um negócio dar preferência para pessoas de diferentes faixas etárias. Pelo contrário. É a oportunidade para qualquer profissional, independentemente da idade.

Quais os diferenciais de contar com profissionais maduros em sua empresa?

Agora que você já sabe o que é a diversidade geracional, trouxemos alguns dos principais benefícios de contar com profissionais maduros em sua empresa. Entenda!

Troca de experiências

Especialmente quando estamos nos referindo a empresas de tecnologia ou a organizações recém-fundadas no mercado de trabalho, grande parte dos profissionais é formada por pessoas mais novas. Com a contratação de profissionais maduros, você tem a possibilidade de trazer outras visões que possibilitarão a troca de experiências.

Muitas vezes, uma estratégia pode seguir para um caminho completamente diferente daquele guiado até então. Porém, com a troca de debates construtivos entre profissionais com mais experiência e aqueles que tenham o frescor da universidade (que recém-saiu), certamente as ideias serão mais produtivas, de modo que a empresa chegue a um resultado ainda mais superior àquele planejado inicialmente.

Qualificação

Esse tópico está diretamente ligado com o anterior. Profissionais maduros contam com uma qualificação mais superior do que aqueles recém-formados. Foram alguns anos nos quais eles puderam se dedicar a diferentes projetos, cursos, pós-graduação, além de terem contato direto com outras empresas do mercado que foram bem-sucedidas em suas ideias e propostas.

Construção de uma nova cultura

Muito se fala em investir em uma cultura organizacional sólida. Mas quais as práticas adotar para chegar a esse resultado? Sabemos que uma cultura forte contribui para a retenção de talentos, para a atração de novos profissionais, além de ser um indicador de que o negócio valoriza o capital humano.

Ao investir em diversidade geracional e ter uma política para profissionais maduros, a organização naturalmente está promovendo uma cultura de respeito ao próximo, seja qual for a diferença. Porém, a área de Recursos Humanos e as lideranças não devem se limitar apenas a esse tipo de política inclusiva, como também adotar ações e práticas que valorizem diferentes orientações sexuais, diversidade de gênero, de raça, entre outras.

Melhora da reputação

Hoje, não apenas a empresa escolhe pelo profissional mais adequado para determinada vaga. O candidato faz uma pesquisa aprofundada para entender se aquela organização é compatível com os seus valores e propósitos.

Existem, inclusive, portais onde profissionais novos e antigos têm a oportunidade de deixarem suas percepções em relação às políticas, práticas e processos do negócio. Quando isso ocorre de forma positiva, mais pessoas interessadas vão se candidatar para as vagas disponíveis, o que contribui de forma direta para trazer talentos mais qualificados e que se encaixam com a cultura do negócio.

A diversidade geracional, inclusive, é um ponto de destaque nesse sentido. Grande parte dos colaboradores busca por empresas onde se valorizam as diferentes ideias e onde possam se sentir seguros para trazerem debates e também discutirem propostas inovadoras.

Como contratar e reter profissionais maduros em seu negócio?

Agora que você já conhece alguns dos principais diferenciais de contar com a diversidade geracional e com a contratação de profissionais maduros, chegou o momento de explicarmos como é possível contratar e reter essas pessoas em sua organização. Confira as dicas que selecionamos!

Adapte a estratégia de recrutamento e seleção

Primeiro, é importante que a estratégia de recrutamento e seleção seja adaptada. Para isso, o ideal é fazer uma pesquisa para identificar onde esses potenciais colaboradores buscam por vagas de emprego. Afinal, de nada adianta você querer contar com políticas para a contratação de profissionais mais maduros para o negócio se a divulgação é feita apenas nos canais onde eles não acessam.

Outro ponto de atenção está relacionado à linguagem da divulgação das vagas. O atual modo como você disponibiliza os cargos em vacância atende a diferentes tipos de profissionais, ou é tão “jovial” que uma pessoa mais velha ficaria constrangida de se candidatar?

Cada geração busca por características distintas em uma empresa. Enquanto baby boomers têm interesse em vagas que demonstram prêmios e sucessos, profissionais mais maduros querem estabilidade. Se você deseja ter diferentes perfis em seu negócio, não deixe de adaptar as descrições conforme o objetivo.

Reconheça esses profissionais no dia a dia de trabalho

Ao contratar profissionais maduros para a sua empresa, é importante adotar políticas de reconhecimento para que eles se sintam inclusos na realidade de seu negócio. Sabemos que reconhecimento é um importante driver de engajamento. Portanto, o ideal é que a sua empresa identifique os pontos positivos desses colaboradores e os tornem públicos.

Mas atenção: o reconhecimento deve ser prática da cultura da empresa como um todo. Todas as pessoas que fizeram algo de positivo para a sua empresa devem ser elogiadas em público. Por isso, a cultura de feedback (processo no qual uma pessoa contribui para o desenvolvimento de outra de acordo com suas próprias percepções) deve ser estimulada de forma contínua.

Customize a comunicação

Por fim, indicamos que a comunicação seja customizada para diferentes perfis de funcionários. Se você contar com uma newsletter interna, por exemplo, é interessante que a linguagem seja mais “universal”. Nem tão formal mas também com uma linguagem que não seja tão jovial, de internet. Muitos termos podem passar despercebidos por profissionais mais maduros, o que pode provocar a sensação de que eles não estão incluídos no mesmo ambiente de trabalho.

Além disso, até mesmo as lideranças devem ter atenção quanto à forma como abordam profissionais maduros. Se houver a prática de one-on-one, por exemplo, o modo como lida com esse tipo de conversa deve ser distinto de um profissional recém-formado. Muitas vezes, enquanto no segundo caso o foco deve ser no desenvolvimento de competências e habilidades, no primeiro é interessante discutir projetos que estão sendo desafiadores, insights que podem ser adotados na empresa, entre outros pontos nesse sentido.

Neste conteúdo, você pôde entender um pouco mais sobre a importância de contratar profissionais maduros, além de conferir dicas sobre como deve ser essa contratação. Como vimos, pessoas que têm mais tempo de mercado podem agregar significativamente para o dia a dia da empresa, o que contribui para os resultados do negócio e para debates mais produtivos.

Portanto, adote as práticas que recomendamos e sempre analise como está a percepção desses colaboradores. Assim, mudanças podem ser adotadas de acordo com o próprio feedback dos profissionais. Gostou do conteúdo? Assine nossa newsletter e acompanhe os conteúdos que produzimos diretamente em sua caixa!

Deixe um comentário